“O medo de coisas invisíveis”

Há mundos assombrados pelos demônios, regiões de absoluta escuridão.

O lsa Upanishad (Índia, cerca de 600 a.C.)

O medo de coisas invisíveis é a semente natural daquilo que todo mundo, em seu íntimo, chama de religião.

Thomas Hobbes, Leviatã (1651)

Os deuses cuidam de nós e orientam nossos destinos, é o que ensinam muitas culturas humanas; outras entidades, mais malévolas, são responsáveis pela existência do mal. Ambas as classes de seres, tanto faz se consideradas naturais ou sobrenaturais, reais ou imaginárias, servem às necessidades humanas. Mesmo que sejam inteiramente fantásticos, as pessoas se sentem melhor acreditando neles.

 

Carl Sagan in O mundo assombrado por demônios